Audiência debate investimentos em ciência e pesquisa no setor



“Pesquisas no setor agrícola são fundamentais para firmar acordos comerciais com forte potencial econômico e respeito ao meio ambiente”, afirma presidente da FPA, Alceu Moreira



Em audiência pública nesta quinta-feira (26), foi discutida a importância dos investimentos em ciência e pesquisa no setor agrícola na Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara dos Deputados. A reunião contou com a participação do presidente da Embrapa, Celso Luiz Moretti, do secretário adjunto de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação do MAPA, do ex-ministro da Agricultura Alysson Paulinelli, além dos membros da FPA.

Recém-chegado da Missão Oriente Médio, promovida pelo Ministério da Agricultura, Moreira ressaltou que em todas as viagens da delegação que representa o agro brasileiro no exterior o tema “parcerias técnicas” é recorrente com os mais diversos países. “Há um interesse de parceria dos órgãos de pesquisa dos mais diversos países com a Embrapa, que é o nosso grande patrimônio socioeconômico em termos de pesquisa agrícola. Esse argumento tem servido como fio de aproximação de alta qualificação internacional, precisamos valorizar esse serviço”, afirma o presidente da FPA.

Ele ressaltou ainda que é preciso “valorizar muito mais os trabalhos de pesquisa e tecnologia da Embrapa”, pois as parcerias técnicas têm  gigantesco potencial econômico e qualifica mundialmente o Brasil. “É preciso dar o valor real que ela (Embrapa) tem. Dar valor não significa proteger pesquisadores, dar discursos corporativistas ou ideológicos. Precisamos pegar um ativo de pesquisa do ponto de vista estratégico para toda a sociedade brasileira e das futuras gerações”, disse, ao acrescentar que as pesquisas da Embrapa na agropecuária são patrimônio fundamental do país.

A audiência contou com ampla apresentação do presidente da Embrapa, Celso Luiz Moretti, sobre os importantes resultados de pesquisas agrícolas. “Com os dados apresentados, não resta mais dúvidas de que vale muito a pena investir em pesquisa no setor agropecuário, tendo em vista a ampla visão econômica e da expansão do setor mundialmente. Além de trazer economia, nossas pesquisas possibilitam a produção com a segurança da preservação ambiental”, declarou Moretti durante a apresentação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *