FPA debate papel do Legislativo em políticas públicas para o agronegócio



A presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), deputada Tereza Cristina (DEM-MS), o vice-presidente da FPA, deputado Alceu Moreira (MDB-RS), e o coordenador de Meio Ambiente da FPA, deputado Valdir Colatto (MDB-SC), participaram nessa quarta-feira (13) da Academia de Liderança – Aprosoja MT 2018. O objetivo principal do encontro foi debater o papel do Poder Legislativo no processo de construção de políticas públicas para o setor agropecuário e para a sociedade.

Para Tereza Cristina, preparar as novas lideranças do agronegócio para o futuro e para o entendimento de como funcionam os poderes é essencial. “Quanto mais fortalecido e pronto para trabalhar por suas demandas, melhor o resultado para o desenvolvimento sustentável do setor no Brasil e para o mundo”, disse.

Promovido pela Associação dos Produtores de Soja e Milho do Estado de Mato Grosso (Aprosoja MT), o encontro faz parte de um programa de educação corporativa e formação de líderes.

O vice-presidente da FPA, deputado Alceu Moreira, acredita que a inciativa corrobora para o desenvolvimento de lideranças do agronegócio mais preparadas e informadas sobre o processo de construção das políticas públicas, e sua complexidade, que atendam à sociedade e ao setor.

“Essa estratégia mostra a lavoura muito além da porteira da fazenda. Mostra o campo, a agricultura como indutor de desenvolvimento econômico e social brasileiro e mundial”, destacou o deputado.

Para ele, essa interlocução valoriza o setor agropecuário, desmitifica os processos e traz à tona mais conhecimento à população. “A autoridade de uma liderança está muito ligada ao seu conhecimento. Essa integração é benéfica para o papel do setor produtivo no mercado nacional e mundial, na sociedade, na questão ambiental, sanitária, dentre outros aspectos. Isso é fundamental para o nosso dever como legislador”, afirmou Moreira.

Na ocasião, o deputado Valdir Colatto (MDB-SC) parabenizou o projeto e o interesse dos líderes, que representam os segmentos da soja e milho de todo o país, em se envolver e entender a função e a representatividade do Legislativo. Segundo Colatto, o trabalho desenvolvido é sempre em prol das melhorias tanto para o setor quanto para o Brasil.

“Inciativas como essas transformam as relações e trazem para perto a complexidade dos processos, as dificuldades enfrentadas por nós, legisladores. É uma imersão de conhecimento que ajuda a melhorar a integração de todos os interlocutores”, evidencia o parlamentar.

O programa – Em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT), a Academia de Lideranças tem duração de um ano e trata, dentre outros temas, da história e missão da Aprosoja MT, além do trabalho desenvolvido em parceria com o Instituto Pensar Agro (IPA) e a Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA). Os acadêmicos debatem também sobre o funcionamento da política nacional no país, além de aulas sobre ferramentas de liderança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *