Afonso Hamm comemora prorrogação do CAR



O deputado Afonso Hamm (PP-RS) comemorou a decisão do Ministério do Meio Ambiente (MMA) em prorrogar o prazo de inscrição do Cadastro Ambiental Rural (CAR), que se encerraria dia 5 passado. No caso do Rio Grande do Sul, devido ao Bioma Pampa, muitos produtores ainda não haviam cadastrado suas propriedades. Existem implicações aos agricultores que não confirmarem o CAR porque terão problemas de acesso aos financiamentos. “Foi uma medida sensata do governo essa prorrogação do CAR por mais um ano, embora só alcance os pequenos produtores” pontuou Hamm.

O MMA divulgou sexta-feira passada os números atualizados do CAR nos últimos dois anos: o total da área declarada do CAR é de 82%.  Sobre a decisão de prorrogar por mais prazo apenas para a agricultura familiar para cadastramento com os benefícios previstos no Código Florestal, conforme MP 724/16, a ministra Izabella Teixeira disse que o Código Florestal trata os diferentes com diferenças, e os agricultores familiares precisam desta atenção. Segundo a ministra, faltam apenas ser cadastradas áreas principalmente do Nordeste e das proximidades de grandes cidades como São Paulo e Rio de Janeiro.

Retrato nunca visto – O MMA publicou o Atlas do CAR (veja trabalho no site).  Nele se encontram as informações sobre as  áreas cadastradas,  Área de Preservação Permanente (APP) e Reserva Legal (RL), além de remanescentes de vegetação nativa e nascentes. O diretor do Serviço Florestal Brasileiro, Raimundo Deusdará, destacou que “o Atlas traz um retrato nunca antes visto no país”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *