Brasil pode integrar Aliança Mundial das Nações Produtoras de Carne



Parceira da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), a Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat) participa essa semana em Durango e Mazatlán, no México, do encontro anual da Five Nation Beef Alliance (FNBA). O evento aborda temas de importância para o setor e esse ano, em especial, discute a aceitação do Brasil e Paraguai como novos integrantes do grupo.

Integrada por Canadá, México, Estados Unidos, Nova Zelândia e Austrália, a aliança, que representa 1/3 da produção mundial de carne, trabalha estrategicamente nas negociações entre países e na eliminação de barreiras comerciais meramente políticas e que não tenham cunho científico.

Com um rebanho de 212,3 milhões de cabeças, o segundo maior no ranking mundial, o Brasil pode levar a FNBA a representar 50% da produção e 75% das exportações mundiais de carne bovina.

Desde 2014 a Acrimat atuou junto à FNBA como membro observador, trabalhando estrategicamente para que essa representação internacional fosse efetivada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *