Países caminham para descarbonização, diz ministra à Frente do Biodiesel



Em reunião com a diretoria da Frente Parlamentar Mista do Biodiesel, a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, afirmou nesta terça-feira (16), em seu gabinete, que os países caminham para um “movimento global de descarbonização” e segundo ela, esta é uma linha de trabalho importante a ser desenvolvida pelos parlamentares.

“Nosso país é o maior redutor de emissões de carbono e terá papel fundamental na descarbonização do mundo”, disse a ministra. “No Brasil, terá que haver enfrentamento para encontrar solução para o combustível, seja no transporte público, de carga ou de veículos leves. É essencial que a Frente do Biodiesel faça o que puder para ajudar a acelerar este processo”.

Entre outros pontos, Izabella e os parlamentares discutiram a possibilidade de realizar um trabalho integrado entre os ministérios do Meio Ambiente, Minas e Energia, Agricultura, Fazenda e Planejamento, de modo a auxiliar no andamento da pauta do biodiesel. “Foi um encontro muito produtivo”, destacou o deputado Adilton Sachetti (PSB-MT), que é secretário adjunto da Frente do Biodiesel e coordenador de Infraestrutura e Logística da Frente Parlamentar da Agropecuária . “A ministra abriu muitas portas para nós, no sentido de apoiar a Frente do Biodiesel”, declarou.

A Frente do Biodiesel foi lançada no último dia 28. Entre as prioridades estão o aprofundamento da discussão do novo marco regulatório para o setor e o aumento da quantidade da mistura do biodiesel com o diesel dentro de prazos e condições a serem estabelecidos pelo marco.

Estiveram presentes ainda os deputados Evandro Gussi (PV-SP), presidente da Frente do Biodiesel, Sergio Souza (PMDB-PR), Jerônimo Goergen (PP-RS) e Bohn Gass (PT-RS) e o senador Valdir Raupp (PMDB-RO), além de representantes da Associação dos Produtores de Biodiesel do Brasil (Aprobio), da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove) e da União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene (Ubrabio).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *