Agronegócio analisa impacto da greve dos caminhoneiros



Aconteceu hoje (12) na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária do Senado (CRA), presidida pela senadora Ana Amélia (PP-RS), vice-presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), uma audiência pública com o intuito de debater a situação do movimento grevista dos caminhoneiros e suas principais reivindicações.

Estiveram presentes vários representantes do agronegócio, do governo, entre eles o secretário executivo da Secretaria-Geral da Presidência da República, Laudemir Muller, a auditora-fiscal do Trabalho do Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais do Trabalho, Jacqueline Carrijo, e líderes do movimento paredista.

Maximiliano Almeida, da Confederação Nacional da Agricultura (CNA), revelou que, segundo cálculos da entidade, com base em números de secretarias estaduais e assessorias técnicas de cada cadeia produtiva, o impacto do movimento grevista pode ter chegado a R$ 1 bilhão no setor. Sendo que os principais atingidos foram pequenos produtores.

O presidente da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), Marcio Lopes, revelou que neste setor os principais atingidos foram pequenos produtores de frango na região sul e cooperativas ligadas ao leite.

O senador Ronaldo Caiado (DEM-GO), membro da FPA, conclamou aos parlamentares presentes a suspenderem a votação do orçamento e a pauta do Congresso Nacional até que seja resolvido o problema dos caminhoneiros.

Com Agência Senado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *