Ana Amélia é eleita presidente da CRA



A senadora Ana Amélia (PP-RS), vice-presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) e o senador Acir Gurgacz (PDT-RO), membro da FPA, foram eleitos, nesta quarta-feira (4), respectivamente como presidente e vice-presidente da Comissão de Agricultura e Reforma Agrária  (CRA) do Senado para o biênio 2015-2016.

A eleição foi feita por aclamação. Todos os senadores presentes parabenizaram a indicação de Ana Amélia e aproveitaram para ressaltar a importância do movimento dos caminhoneiros como um dos problemas que a CRA deve debater.

Após a eleição, a senadora realizou a primeira sessão deliberativa e aprovou três requerimentos para realização de audiências públicas, entre as quais uma sobre o movimento dos caminhoneiros.

A audiência pública está marcada para 12 de março, às 8h, e deverá ter a presença do ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Miguel Rosseto; do presidente da Confederação Nacional de Agricultura e Pecuária, João Martins da Silva Júnior; do presidente da Organização das Cooperativas do Brasil, Márcio Lopes, e de representantes do movimento dos caminhoneiros.

Ciclo de Palestras – A CRA aprovou ainda requerimento da senadora Ana Amélia para que a comissão realize um ciclo de palestras ao longo do biênio a fim de subsidiar os trabalhos da comissão. Os temas seriam variados, como sustentabilidade do meio rural, logística de transporte, sistema de armazenamento, proteção do meio ambiente e reforma agrária.  As palestras vão acontecer às sextas-feiras, às 14h, e devem ser feitas em vários estados do país.

A primeira palestra, aprovada pela comissão, será para debater o emplacamento de máquinas agrícolas e será realizada na cidade de Não-me-Toque (RS), no dia 13 de março, onde acontece a Expodireto Cotrijal, uma feira de expositores de produtos do mercado agrícola.

— A edição da Resolução 429/2012, que prevê o emplacamento de máquinas agrícolas, sem dúvida, representa um entrave  burocrático que vai de encontro ao desenvolvimento da atividade agrícola do país — justificou Ana Amélia.

 

Com Agência Senado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *